ESCRITOR HOMENAGEADO

Mário Eleú (escritor homenageado, póstumo) – Foto: Arquivo pessoal

Mário Eleú da Silva

Compositor nativista, Mário Eleú é conhecido por músicas como Orelhano, Trem da Fronteira, Silva da Silva, Provinciano, Na Romaria e Mala Vazia. Com suas composições, venceu diversos festivais do Estado e também foi jurado da Tertúlia Musical Nativista em três edições. Além de compositor e médico, Mário também passeou pela literatura, escrevendo prosas e poesias. Suas obras mais recentes são “Velho Doutor” e “Ginete de Ilusões”, ambos expostos na Feira do Livro de Santa Maria em 2021, com sessão de autógrafos do autor. Membro titular da Academia de Letras do Brasil. Seu trabalho de maior destaque, a música Orelhano, foi defendida por Dante Ramon Ledesma, na 5ª Tertúlia Musical Nativista de Santa Maria, em 1984. Morreu em 30 de janeiro de 2022.



Maria Esther de Souza (professora homenageada) – Foto: Arquivo pessoal

Maria Esther Gomes de Souza

Natural de Uruguaiana, residiu em Santa Maria de 1991 a 1997, retornando em 2017. É Educadora Especial formada pela UFSM, com especialização em educação especial de Surdos e Déficit cognitivoe em Língua Brasileira de Sinaise Bacharela em Educação Física. Tem Deficiência Auditiva adquirida. Possui seis livros publicados e realiza trabalho de leitura inclusiva. É professora na Escola Estadual de Educação Especial Dr. Reinaldo Fernando Cóser e Membro da Rede Nacional de Leitura Inclusiva, parceria com a Fundação Dorina Nowill, desenvolve e participa de projetos de leitura inclusiva para pessoas com baixa visão, surdez e ouvintes.