O PATRONO PASSEIA ENTRE A REALIDADE E A POESIA

O patrono da  Feira do Livro 2016 , Eros Roberto Grau, falou sobre seu retorno à Santa Maria e lembrou de seus familiares, amigos e momentos de sua vida. Em seu discurso, citou um poema de Felipe D’Oliveira, ilustre escritor santa-mariense.

Ao agradecer pela homenagem, ele misturou realidade e poesia ao falar sobre a importância de ser humilde: “humildade é saudar a possibilidade de participarmos de um mundo de igualdade, onde nem uma criança sinta frio e os velhos não sofram com o abandono.” Eros, ao longo do poema, lembrou lugares e citou pessoas importantes que fizeram parte de sua vida e da história da cidade. Ao fim de seu discurso, destacou: “Que caminhemos juntos por aqui. Tenho orgulho de Santa Maria.”

f2 f

 

Assessoria de Imprensa – UNIFRA
Texto: Acadêmica de Jornalismo – Eduarda H Garcia
Fotos: Acadêmico de Jornalismo – Juliano Dutra
Professor Responsável – Jornalista Carlos Alberto Badke (MTB 5498)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *