TROCADOS NO BOLSO, LIVROS NA MÃO

Para ler, (quase) não tem preço.Pelo menos para Antonio Ferraz, da banca 15, não. Ele pratica um saldão de livros com valores que chegam a custar a quantia mínima de apenas R$ 1,00. São obras  das mais diversas temáticas, como História, Espiritismo, Culinária e até mesmo sobre o Método Reiki. Ferraz tem 14 anos de feira e alerta:“Além de bons preços, temos variedades e se o cliente tiver paciência, pode encontrar um exemplar raro por uma quantia em dinheiro simbólica”.

A banca da Livraria Ferraz mantém o saldão até o final da Feira, provando que, para transformar situações, você pode enfrentar com um livro (barato) na mão.

Não adianta reclamar da crise e dos altos preços. Na feira há livros a partir de R$ 1,00.(Foto: Pedro Gonçalves/ LABFEM-UNIFRA)
Não adianta reclamar da crise e dos altos preços. Na feira há livros a partir de R$ 1,00.(Foto: Pedro Gonçalves/ LABFEM-UNIFRA)

Texto elaborado pelo acadêmico Jewison Cabral / Jornalismo – UNIFRA
Prof. Responsável: Jornalista Bebeto Badke (MTB 5498)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *