sexta-feira, junho 14, 2024
Feira Do Livro 2019TODAS EDIÇÕES

EMOÇÃO MARCA O LANÇAMENTO DA FEIRA

A noite do lançamento da 46ª Feira do Livro começou com músicas compostas por Humberto Gabbi Zanatta, o escritor homenageado desta edição. Na voz e violão estava Júnior Benaduce que emocionou ao público e aos familiares de Zanatta. Na sequência,  a secretária de Cultura Marta Zanella  agradeceu as autoridades presentes, bem como a equipe que realiza a Feira do Livro.

A hora de maior emoção  foi quando a filha de Zanatta, Diovanna  contou que o pai não passava um dia se quer sem escrever poemas. De acordo com ela, todos os pedaços de papéis que se encontram na residência do escritor, estavam rabiscados com frases e pensamentos dele. Diovanna também comentou um dos maiores legados do pai: não deixar uma única criança sem ler. Conforme a família do escritor homenageado, Zanatta tinha grande adoração por estar presente em todas as edições da Feira do Livro e tinha por desejo que a leitura fosse um instrumento de transformação social. Diovanna, como representante da família Zanatta, agradeceu o carinho que os leitores de Santa Maria têm pela memória e legado de seu pai, além de agradecer a homenagem feita à ele na 46ª Feira do Livro.

diovana

Logo após, quem conversou com o público foi o professor homenageado Pedro Brum, formado na UFN e docente da UFSM. Para ele, poder exercer a função de professor é bem mais do que ensinar. Brum acredita que a sala de aula é um espaço de transformação e aventura para a busca de conhecimento. Como professor, ele deseja trabalhar sempre motivando os alunos, já que crê que a sala de aula é um local de troca, criação e ensino mútuo. Conforme ele, a Feira do Livro é um espaço plural onde professores, alunos e o público podem compartilhar juntos, o gosto pela leitura.

Quem encerrou a noite do lançamento da feira foi o prefeito Jorge Pozzobon, que agradeceu a toda a comissão organizadora da 46ª Feira do Livro, além dos alunos do curso de Publicidade e Propaganda da Universidade Franciscana, que criaram a campanha para esta edição. Com um breve discurso, o prefeito fez agradecimentos também aos homenageados e todos que passam pela Praça Saldanha Marinho durante os dias de feira. Para finalizar, citou o Homem da Mala Azul, o atual patrono Maurício Leite, que estará presente na abertura oficial da feira, que ocorre no dia 26 de abril.

Texto elaborado pela aluna Natália Venturini/Jornalismo UFN – Universidade Franciscana

Foto: Lucas Linck/ LABFEM – UFN

Professor responsável: jornalista Bebeto Badke (MTb 5498)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

S