quarta-feira, maio 22, 2024
Feira Do Livro 2019TODAS EDIÇÕES

LÁ VEM O BLOBLÔ!

Nem mesmo a noite mais gelada, que indica a chegada do outono, impediu os amantes da leitura de se reunirem nesta segunda-feira, 8 de abril, no  Santa Cultura Café (anexo ao MASM), para conhecer a campanha da 46ª edição da Feira do Livro de Santa Maria.

A campanha foi elaborada pelos acadêmicos do Curso de Publicidade e Propaganda da Universidade Franciscana, Milena Denardin, Gabriel Avila, João Paulo Andrade e Maurício Finger, durante a disciplina de Direção de Arte, sob a coordenação da professora da Graziela Knoll.

O destaque foi a apresentação do personagem Bloblô, um ser redondo, de cor coral – eleita a cor do ano pela Pantone – dentes e chifres afiados e que viaja pelo mundo com uma mochila nas costas e um livro na mão. A figura foi criada com a ideia de cativar tanto o público infantil, quanto o público adulto, já que o personagem traz consigo a proposta de utilizar a imaginação para se reinventar por meio da leitura.

O selo da campanha apresenta o slogan “Devore um livro para descobrir novos mundos”. Os materiais de divulgação trazem o personagem Bloblô nos mais diversos cenários – como uma caverna, um deserto e uma floresta, sempre com um livro em suas mãos, indicando que para viver uma boa aventura, basta um bom livro.

De acordo com os idealizadores da campanha, a proposta busca valorizar o legado que a Feira do Livro carrega desde sua primeira edição – em 26 de maio de 1962. Na época, a atividade cultural foi realizada com o intuito de estender o legado do livro para além da sala de aula. Com o passar dos anos, as edições foram se estabelecendo, e hoje, durante as duas semanas de Feira, a cidade se veste de livros e busca a promoção de novos leitores.

Nas peças criadas pelos acadêmicos são ilustradas situações e frases que motivam os leitores a se identificarem com as histórias presentes durante a Feira do Livro. Em uma das peças, em especial, Bloblô aparece portando um balão em formato de coração e incentiva que contos de amor possam se tornar uma inspiração em tempos como este.

Em outro momento, o personagem arredondado está em uma caverna escura, e a única luz dentro do local provém do livro que carrega, simbolizando a importância que uma boa história pode surtir na vida do leitor.

alunos_pp

Texto elaborado pela acadêmica de Jornalismo Thayane Rodrigues/UFN – Universidade Franciscana

Foto: Lucas Linck/ LABFEM – UFN

Professor responsável: jornalista Bebeto Badke (MTb 5498)