A MENINA QUE ADORA(VA) LIVROS

Pâmela Gonçalves é a Garota It da noite. Nesta terça-feira, 3, o palco do Livro Livre quase não comportou tanta versatilidade. São mais de 400 leituras na bagagem da  booktuber que mexe com o mercado literário e (como não!) com seus 174 mil discípulos. Ela não fez questão alguma de mudar de assunto: vida e carreira se confundem com os mais variados gêneros da literatura mundial.

Antes de assinar como analista de sistemas, Pam, como é conhecida, decidiu ser publicitária. “Minha intenção sempre foi trabalhar na internet, mas me dei conta que o curso me manteria em contato só com o computador. Fui para a Publicidade em 2010 porque queria me envolver com pessoas”, explica. Um ano antes, a fominha pós-graduanda em Branding e Criação Publicitária investiu em um blog – sobre o quê, adivinha? ­– que impulsionou seu canal no Youtube: Garota It, que desde 2012 atiça a curiosidade de leitores novatos e de carteirinha. A youtuber que lê, em média, seis livros por mês (e que lia mais de 12), prefere destacar os títulos de sua preferência: “as pessoas mandam lista de sugestões e eu atendo na medida do possível, mas jamais falo sobre um livro que não gosto. A leitura se torna maçante e os fãs enlouquecem com as críticas”, ri a catarinense.

Amor nos tempos de #likes, a convite da Editora Galera Record, é o primeiro livro de Pam que será lançado em data sugestiva: 12 de junho. Em parceria com mais três booktubers, a também escritora antecipa o recheio: “os contos são inspirados em romances clássicos que mostram a personalidade do autor dedicado à internet. Meu conto é baseado no livro Orgulho e Preconceito e os leitores acharam a minha cara”, brinca. Para os insatisfeitos, vem livro novo no segundo semestre.

Sucesso na rede, Garota It agradece aos precisos 174.453 inscritos que chegaram ao canal pelos mais diversos motivos: “alguns foram indicados por amigos, outros viram ali um motivo para voltar a ler e muitos descobriram o universo da leitura através de um vídeo em específico”, diz a jovem de 25 anos que encontra nos livros de suspense e romance seus enredos favoritos. Pam Gonçalves enaltece seu trabalho e tem um bom motivo para tal. “Muitos nos criticam, pois acham que não temos conteúdo de qualidade para compartilhar, mas sou totalmente contrária a esse tipo de opinião. Canais como o Garota It são a passagem do público que não exercita a leitura para o mundo dos livros. Porque leio e agora escrevo para jovens, hoje sinto o preconceito na pele”, finaliza.

FOTO 1 JULIANO DUTRA_ PÂMELA GONÇALVES

ASSESSORIA DE IMPRENSA – UNIFRA
TEXTO: jornalista Rúbia Keller
FOTO: Laboratório de Fotografia e Memória/Juliano Dutra
Professor responsável: jornalista Bebeto Badke (MTB 5498)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *