A PRIMAVERA DA INFÂNCIA DE TÂNIA LOPES

O livro Primavera, de Tânia Lopes, fez parte da tarde de lançamentos deste domingo, 5 de maio. Na obra, há 25 cronicontos marcados por regionalismo. “Os textos estão entre contos e crônicas, por isso, classifico desta forma”, explica a autora que foi Patronesse da Feira Infantil  em 2004. Ela fala sobre a ambientação interiorana do livro: “durante a infância, morei no interior, na cidade de Itaqui, então vivi muitas experiências típicas do campo.”

Primavera tem a apresentação e a foto de capa feitas por Humberto Gabbi Zanatta, o que é uma grande alegria para Tânia. “O amigo Zanatta tinha acabado de fazer a apresentação do livro quando olhou para o outro lado da rua e viu um flamboyant repleto de flores, o qual registrou em fotografia. Disto surgiu a inspiração que o levou a me pedir que o livro se chamasse ‘Primavera’, um dos textos da obra, ao invés de ‘Cronicontos’, como seria.

A itaquiense, que mora em Santa Maria, é artista plástica e especialista em pintura. Ela é autora de 11 livros e tem participação em outros. Além disso, é Integrante da Academia Santa-mariense de Letras, detentora da cadeira Nº 8, cujo Patrono é Érico Veríssimo.

IMG_6981

Texto elaborado pela acadêmica de Jornalismo/UFN Gabriele Bordin

Foto: Acadêmico de Publicidade e Propaganda Lucas Linck/LABFEM-UFN

Professor responsável: Jornalista Bebeto Badke (MTb 5498)