PROGRAMAÇÃO DE SÁBADO, 4 DE MAIO

10h – Abertura da Feira

Das 10h às 12h – Disco na Praça

Um momento para o saudosismo: vinil e música na Praça Saldanha Marinho. Porque disco também é cultura. Realização: Ronald Mendes e Garagem do Som

14h30min – Leitura Art Déco – um passeio pelo patrimônio histórico-cultural de Santa Maria.

Santa Maria abriga o maior conjunto contínuo em art déco da América Latina, que ocupa toda a extensão da Avenida Rio Branco. Muito mais do que um passeio, a oportunidade de ler a cidade de outra forma. Coordenados pelos arquitetos Fábio Muller, Marcia Kummel, Daniel Pereyron e Francisco Queruz, dois grupos de 25 a 30 pessoas poderão participar do passeio, com agendamento prévio. Agendamentos pelo chili@chilism.com.br e na coordenação da Feira do Livro, a partir do dia 26. Saída às 14h30min, da Praça Saldanha Marinho. A atividade tem o apoio do Coletivo em Defesa do Patrimônio Histórico e Cultural de Santa Maria, IAB e IPLAN.

Leitura Art Déco_ um passeio cultural pelo patrimônio histórico de Santa Maria (2)

 15h – MUSICAL JARDIM DE CATAVENTOS

Idealizado pelo músico Marcelo Schmidt, o espetáculo é baseado na obra literária homônima. Apesar do público-alvo, Jardim de Cataventos consiste em um teatro musical que atrai público de todas as idades por retratar sonhos infantis e aspectos do cotidiano em linguagem fácil e inteligente.

 

17h – Lançamentos de Livros

Elas por Elas – À Flor da Pele – Org. Denise Reis – CAPOSM

Um  Olhar  Espiritual – Jorge Brandão

No alvoroço da festa, não havia corrente de ferro que os prendesse nem chibata que intimidasse : comunidade negra e sua irmandade do Rosário (Santa Maria 1873-1942) – Ênio Grigio – Lei do Livro– Câmara de Vereadores de Santa Maria

Memorial do Colégio Manoel Ribas: história e memória – Maria Helena Nascimento Romero –Lei do Livro – Câmara de Vereadores de Santa Maria

O Poeta do Amor – Nei Jorge

18h30min – Bate-papo com Clara Arreguy, na Praça Saldanha Marinho

Mineira de Belo Horizonte, Clara Arreguy radicou-se em Brasília em 2004. Jornalista e escritora, publicou os livros “Segunda Divisão” (Lamparina, 2005), “Fafich” (Conceito, 2005), “Tempo Seco” (Geração, 2009), “Catraca Inoperante” (Outubro, 2011  e 2014), “Rádio Beatles” (Outubro, 2012), “Siga as setas amarelas” (Outubro, 2014) e “Sonhos Olímpicos” (Franco, 2015). Entre 2013 e 2015, assinou crônica quinzenal na revista Veja Brasília.

Clara Arreguy - foto divulgação

19h – LIVRO LIVRE Max Belzareno

Max Belzareno é graduando em História pela Fundação Universidade de Rio Grande-FURG e Técnico em Química. Autor de dois livros publicados pela Chiado Editora, Inesquecível e Rua Nuvem de Estrelas, também é crítico literário.

Max Belzareno